PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês

Pais são presos por abandonar filhos com fome em casa cheia de lixo em GO

Crianças tinham idades entre três e seis anos; no local, policiais encontraram comida com larvas e objetos perigosos - Polícia Militar/Divulgação
Crianças tinham idades entre três e seis anos; no local, policiais encontraram comida com larvas e objetos perigosos Imagem: Polícia Militar/Divulgação

Felipe Munhoz

Colaboração para o UOL, em Lençóis (BA)

21/01/2021 13h43

Um homem e uma mulher foram presos ontem à tarde, em Goiânia, por abandonarem os três filhos — com idades entre três e seis anos, sendo o mais velho com problemas mentais — em uma casa cheia de lixo, restos de comida e com instrumentos perigosos ao alcance das crianças.

De acordo com a Polícia Civil, foi concedida fiança de R$ 1,5 mil aos pais, que não apresentaram advogados de defesa e não tiveram as identidades reveladas. A fiança não foi paga e ambos seguem detidos no aguardo da audiência de custódia.

Ainda segundo a polícia, por volta das 15h de ontem, policiais militares foram abordados por uma motoqueiro na rua VF70, no bairro Vila Finsocial, em Goiânia, que disse que havia três crianças abandonadas em uma residência e com fome. O homem também afirmou que essa situação ocorria com frequência.

No local, os agentes encontraram o portão aberto e foram recebidos por um menino de aproximadamente cinco anos de idade. Segundo o relato da PM, a criança estava toda suja, com forte odor e logo reclamou que estava com muita fome.

A polícia não encontrou nenhum adulto na residência, apenas outras duas crianças, sendo um menino com problemas mentais, de aproximadamente seis anos, e uma menina, com cerca de três anos.

"Dentro da residência, o ambiente era tétrico. Não havia o mínimo de organização na casa, roupas espalhadas, cama revirada, lixo dentro de casa, fezes e urina no chão. Além disso, sobre o fogão, havia restos de comida com larvas e outros insetos, todos expostos e ao alcance das crianças mencionadas", descreveram os policiais militares no boletim de ocorrência.

Foi relatado ainda que havia facas e outros instrumentos perigosos ao alcance das crianças, além de um odor muito forte dentro da residência.

A mãe das crianças foi contatada pelos policias e logo apareceu no local. Ela alegou que estava trabalhando em uma loja na rua 44 e deixou as crianças sob o cuidado do pai delas, ex-companheiro que também vive na casa.

Pouco depois, segundo a polícia, o pai também se apresentou e, por outro lado, afirmou que havia deixado as crianças com a mãe delas. Ambos foram detidos e conduzidos para a Central Geral de Flagrantes de Goiânia pelo crime de abandono de incapaz, cuja pena vai de seis meses a três anos de prisão. Já as crianças foram encaminhadas para o Conselho Tutelar e serão encaminhadas para um abrigo.

Cotidiano