PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês

Problema em radar atrasa e cancela dezenas de voos em aeroportos de SP

Aeroporto de Congonhas - Repprodução/Agência Brasil
Aeroporto de Congonhas Imagem: Repprodução/Agência Brasil

Do UOL, em São Paulo

19/05/2022 11h59Atualizada em 19/05/2022 15h23

Um problema em um radar causou transtornos aos passageiros na manhã de hoje no Aeroporto de Congonhas, na zona sul da capital paulista, no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, e no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas.

A GRU Airport, concessionária do Aeroporto Internacional de São Paulo, informou que "devido a um problema no radar da Área de Controle Terminal São Paulo do espaço aéreo na manhã desta quinta-feira (19/05), as operações de pousos e decolagens sofreram atrasos",. A empresa ainda afirmou que "o sistema já foi restabelecido e as operações estão sendo retomadas."

Segundo o site da GRU Airport, desde 0h de hoje, 14 voos atrasaram na chegada, um foi cancelado e outros 15 atrasaram na partida. Já a Infraero informou que, em Congonhas, cinco voos foram cancelados, cinco sofreram atrasos na chegada outros cinco na partida.

A Concessionária Aeroportos Brasil Viracopos informou que o problema foi detectado por volta das 8h45 da manhã e provocou a suspensão das decolagens e pousos."Às 9h45, a operação em Viracopos começou a ser retomada gradualmente e a situação foi normalizada às 10h10. Até as 11h15, o balanço indicava 20 voos atrasados e 11 voos cancelados, sendo três de chegada e oito de partida", informou a empresa em nota.

O UOL entrou em contato com o Comando da Aeronáutica que informou que a instabilidade começou por volta das 8h15 em nos sistemas de controle de tráfego aéreo do CRCEA-SE (Centro Regional de Controle do Espaço Aéreo Sudeste), afetando as aeronaves decolando e com destino aos aeroportos de São Paulo.

"De imediato, foi aplicado o plano de contingência, conforme previsto no programa de treinamento dos controladores de tráfego aéreo, a fim de manter a continuidade das operações aéreas com o nível de segurança requerido. A equipe técnica restabeleceu o sistema às 08h42 e os consoles de visualização radar voltaram a operar normalmente", informou a Aeronáutica em nota.

O órgão ainda disse que "todas as medidas estão sendo tomadas para reduzir os impactos da ocorrência" e que as causas da falha estão sendo investigadas.

Nas redes sociais, passageiros reclamaram da situação nos aeroportos.

Cotidiano