Conteúdo publicado há 6 meses

Cabeleireira é achada morta e amordaçada com sinais de facadas em São Paulo

Uma cabeleireira de 39 anos foi encontrada morta na cozinha da própria casa na manhã de hoje na Avenida das Colmeias, no Campo Limpo, na zona sul de São Paulo.

O que aconteceu:

O corpo de Mara Brandão dos Santos foi encontrado às 10h45 na cozinha da casa, que fica nos fundos do salão de beleza dela. Gotas de sangue foram encontradas na parte da frente do imóvel, que estava com o portão apenas encostado.

Policiais militares foram acionados e encontraram a mulher morta e com ferimentos provocados por objeto cortante. O UOL apurou que uma testemunha apontou que a vítima também foi encontrada amordaçada.

A polícia acredita que Mara tenha sido morta na noite de ontem. Imagens divulgadas pela TV Bandeirantes mostram dois homens entrando e saindo do salão da vítima.

O carro de Mara foi roubado na noite de quinta-feira pela dupla. A SSP-SP (Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo) não informou se o veículo da mulher foi encontrado até a noite desta sexta. Além do carro, o celular da vítima também foi levado.

Amigos da vítima teriam dito à emissora que um dos homens que aparece nas imagens seria um namorado da cabeleireira.

A Polícia Civil comunicou que trabalha para identificar e localizar os responsáveis pela morte da vítima.

O caso foi registrado como latrocínio (roubo seguido de morte) no 89º Distrito Policial (Jardim Taboão), que solicitou assessoramento do DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa) e exames periciais.

Nas redes sociais, a cabeleireira costumava publicar o resultado dos trabalhos feitos no seu salão de beleza, incluindo o dia da noiva.

Deixe seu comentário

Só para assinantes