Conteúdo publicado há 1 mês

Motociclista morre após fugir de abordagem e ser atingido por fuzil em SP

Um homem de 21 anos morreu após desobedecer uma ordem de parada de um policial e ser atingido pela ponta do fuzil dele em São Paulo.

O que aconteceu

Câmeras de segurança registraram o momento da ação. Nas imagens, é possível ver que o policial bate com a ponta da arma no homem, que leva outra pessoa na garupa.

Ele se desequilibra, mas logo retoma o controle do veículo e sai da imagem captada por câmera de segurança. O caso foi registrado na rua Cláudio Ghirelli, zona norte da capital, na manhã de ontem.

Em outro vídeo, o motociclista já aparece ao chão. As imagens, registradas por testemunhas, mostram outras pessoas tentando socorrer o homem, que está caído.

O homem foi "localizado caído no chão, com ferimento no pescoço" após fugir da abordagem, segundo a PM. Ele foi levado ao hospital e teve morte constatada no local.

Não há até o momento esclarecimento sobre como o homem morto foi ferido. A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo informou que a causa da lesão será investigada.

O garupa da motocicleta não foi encontrado pela polícia, assim como a moto na qual os dois estavam. Uma outra moto que tinha sido roubada foi recuperada na mesma ação, informou a PM.

O policial que apontou a arma para o homem teve um ferimento no rosto. Ele foi atendido e teve arma apreendida. O objeto deverá ser periciado, informou a SSP.

Um inquérito policial foi aberto. O caso é investigado como morte suspeita (morte acidental), desobediência, localização e apreensão de objeto e localização, apreensão e entrega de veículo.

Deixe seu comentário

Só para assinantes