PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Terremotos de magnitude 6,2 e 6,3 atingem Filipinas e Nova Zelândia ao mesmo tempo

Do UOL, em São Paulo

16/02/2013 04h40

Um terremoto de 6,2 graus na escala Richter sacudiu neste sábado (16) a ilha de Mindanao, no sul das Filipinas. Praticamente ao mesmo tempo, um terremoto de 6,3 graus atingia o norte da Nova Zelândia, a cerca de 8.000 km da ilha asiática. Em ambos os casos, as autoridades não informaram sobre vítimas ou a possibilidade de formação de um tsunami.

O Serviço Geológico dos Estados Unidos, que registra a atividade sísmica no mundo todo, localizou o hipocentro do sismo filipino a 99,2 quilômetros de profundidade e a 83 quilômetros da cidade de General Santos.

Já o serviço geológico neozelandês localizou o hipocentro do tremor a 294 quilômetros de profundidade no Oceano Pacífico e 195 quilômetros ao norte da cidade de Te Araroa, na Ilha do Norte neozelandesa e a 500 km da maior cidade do país, Auckland. No último terremoto de grandes proporções no país, em fevereiro de 2011, 185 pessoas morreram depois que um sismo de 6,3 graus sacudiu a cidade de Christchurch, no sul, e danificou 30 mil construções.

Círculo de Fogo
Filipinas e Nova Zelândia fazem parte do círculo de fogo do Pacífico, uma extensa linha nas bordas do oceano Pacífico formada por zonas de encontro de placas tectônicas muito ativas, que registram constantemente atividade sísmica. Na Nova Zelândia acontecem cerca de 14 mil terremotos a cada ano, dos quais entre 100 e 150 têm intensidade suficiente para serem percebidos. (Com Efe)

Internacional