Ex-presidente português Mário Soares morre aos 92 anos

Do UOL, em São Paulo

  • AFP

Mário Soares, o histórico dirigente socialista e ex-presidente e ex-primeiro-ministro de Portugal, morreu neste sábado (7) aos 92 anos no Hospital da Cruz Vermelha de Lisboa, onde permanecia internado desde 13 de dezembro.

Fundador do Partido Socialista de Portugal, Soares é considerado o principal líder civil contra a ditadura no país, sendo um dos políticos portugueses mais respeitados das últimas décadas.

Ele assumiu a Presidência por duas vezes e foi primeiro-ministro em outras três oportunidades.  

A mídia portuguesa retrata Soares como um dos maiores políticos do século 20 e dedica a ele o posto de um dos principais responsáveis pela democracia portuguesa.

Nascido em 7 de dezembro de 1924, o socialista foi ainda o responsável pela adesão de Portugal a então Comunidade Econômica Europeia (CEE) em 1985, entidade que mais tarde se transformou na União Europeia.

Hospitalizado em 13 de dezembro devido a uma "piora geral da sua saúde", Soares estava em coma na unidade de terapia intensiva.
 
Segundo parentes, o ex-presidente nunca se recuperou totalmente da encefalite que sofreu em janeiro de 2013, e ficou ainda mais debilitado após a morte de sua esposa, em julho de 2015.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos