Tiroteio em escola deixa feridos na França

Do UOL, em São Paulo

Um tiroteio na manhã desta quinta-feira (16) em uma escola de Grasse, no sul da França, deixou feridos, segundo informações da rede de televisão francesa BFMTV.

Um jovem portando várias armas e duas granadas teria atirado contra o diretor do colégio, segundo as primeiras informações. O diretor sofreu ferimentos no ataque.

Pelo menos três pessoas foram levadas ao hospital com lesões decorrentes dos tiros. Outras cinco pessoas sofreram ferimentos leves no tumulto que se seguiu ao ataque.

O suspeito, um estudante de 17 anos, foi detido pela polícia. 

O porta-voz do Ministério do Interior, Pierre-Henry Brandet, disse à rádio France Inter que a polícia está investigando a possibilidade de ter havido um segundo agressor.

O incidente ocorreu com o país ainda em estado de emergência, uma reação aos vários ataques de militantes ao longo do último ano, e a menos de seis semanas de uma eleição presidencial durante a qual a segurança e o medo do terrorismo têm sido temas de destaque.

Apesar disso, Christian Strosi, representante do governo da região de Provence-Alpes-Côte d'Azur, disse que a investigação não aponta indícios de terrorismo no ataque à escola.

O presidente francês, François Hollande, descartou que o ataque tenha caráter terrorista, ao mesmo tempo que afirmou que a investigação aberta determinará suas circunstâncias.

Em declaração em Corrèze, no centro do país, Hollande afirmou que os feridos de maior consideração são o diretor e dois alunos, enquanto o resto acabou se machucando pelo pânico suscitado no centro educativo.

O colégio Alexis de Tocqueville foi evacuado.

O departamento de proteção civil da região chegou a pedir para os moradores permanecerem em suas casas durante a operação policial.

Um aluno que foi testemunha ocular do ataque e que foi entrevistado pela France Inter disse que os estudantes ouviram um estouro e se abrigaram debaixo das mesas.

"Eu fui fechar as janelas e vi um cara que me olhou nos olhos. Ele parecia ser um aluno, e não muito grande. Ele atirou para o alto e saiu correndo", contou o aluno, sem se identificar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos