Tripulantes de avião comercial dizem ter visto explosão de míssil lançado pela Coreia do Norte

Do UOL, em São Paulo

  • KCNA via AP

Tripulantes da companhia aérea Cathay Pacific relataram que avistaram, durante o voo, o míssil intercontinental lançado pela Coreia no Norte no dia 29 de novembro. A equipe do voo 893 da Cathay Pacific, que faz a rota São Francisco- Hong Kong, afirma ter visto o míssil entrando na atmosfera e "explodindo" a uma distância visível a partir da aeronave.

No dia 29, o regime de Pyongyang testou, com sucesso, o míssil Hwasong-15. O equipamento é considerado o mais potente já testado pelo país e teria capacidade de atingir os Estados Unidos. O míssil caiu no Mar do Japão.

Coreia do Norte testa míssil que poderia atingir os EUA

"A tripulação de vôo CX893 reportou a ter visto o que suspeitamos que seja a reentrada do recente míssil de teste da Coreia do Norte", disse um porta-voz da companhia aérea. "Embora o voo estivesse longe do local do evento, a tripulação avisou ao controle de tráfego aéreo do Japão de acordo com os protocolos".

Veja também:

O voo não foi afetado, e a empresa afirma que não tem planos de interromper ou mudar a rota.

Um avião de carga Cathay Pacific (o voo CX096) pode ter passado ainda mais próximo do míssil, a uma distância lateral de algumas centenas de metros, acrescentou a empresa. O voo seguia para o Alasca e também sobrevoou o Japão durante o teste do míssil.

O mais novo teste de míssil da Coreia do Norte elevou a tensão na região. Nesta segunda (4), os Estados Unidos e a Coreia do Sul colocaram em ação um exercício militar conjunto, na maior simulação já realizada de um conflito com Pyongyang. (Com agências internacionais)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos