Topo

Incêndio em academia deixa mortos na Coreia do Sul

Kim Hyung-woo/Yonhap via AP
Bombeiros combatem incêndio em prédio de oito andares em Jecheon, Coreia do Sul Imagem: Kim Hyung-woo/Yonhap via AP

Do UOL, em São Paulo

21/12/2017 11h17

Um incêndio consumiu uma academia de oito andares na cidade sul-coreana de Jecheon nesta quinta-feira (21) e deixou pelo menos 28 mortos, disseram autoridades.

O incêndio começou em um carro estacionado no primeiro andar do prédio, disse uma autoridade à agência de notícias Reuters. O corpo de bombeiros disse que 12 mulheres e três homens estão entre os mortos. Treze corpos estavam irreconhecíveis.

A autoridade do corpo de bombeiro disse que a maior parte das vítimas foi encontrada em uma sauna.

Os bombeiros conseguiram retirar um grupo de pessoas do telhado do imóvel e muitos dos feridos foram levados a hospitais por inalação de fumaça.

Jecheon fica ao sudeste da capital sul-coreana, Seul, e é popular entre turistas por suas montanhas e lagos.

Aproximadamente 20 caminhões de bombeiros, dois helicópteros e 50 soldados se deslocaram ao local dos fatos para tentar de controlar as chamas, uma tarefa que foi impedida pela densa fumaça e os gases tóxicos emanados do incêndio.

O primeiro-ministro sul-coreano, Lee Nak-yon, convocou uma reunião de emergência no Ministério de Interior para ordenar às autoridades que empreendam "os esforços necessários para acelerar o resgate e extinguir o incêndio", segundo a agência de notícias Yonhap.