Topo

Em Portugal, homem ganha na loteria e vai trabalhar no dia seguinte

Reprodução
Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

18/11/2019 17h59

O que você faria se ganhasse um prêmio de mais de R$ 350 mil na loteria? Foi o que aconteceu com um serralheiro português de 33 anos, que trabalhou normalmente após tirar a sorte grande.

Na última sexta-feira, o homem comprou uma raspadinha de Natal em um café em Gandra, pequena cidade de 6,9 mil habitantes, a 320 km ao norte de Lisboa. Pelo bilhete, pagou 5 euros (R$ 23,30).

Mas o bilhete se mostrou premiado e rendeu a ele um prêmio de 100 mil euros (cerca de R$ 466 mil em valores atuais). E mesmo com a bolada, o serralheiro foi trabalhar normalmente no sábado.

"Vim trabalhar porque gosto do que faço. Além disso, tinha serviço por terminar e não queria deixar mal o patrão", explicou o sortudo, que não se identificou, em declarações publicadas pelo jornal Correio da Manhã.

"O máximo que me tinha saído até agora foram 50 euros. Não estava esperando e fiquei mesmo feliz. Ainda não sei o que vou fazer com o dinheiro, mas talvez compre um carro", acrescentou.

De acordo com Paulo Moreira, o proprietário do café que venceu a raspadinha premiada, o prêmio quase saiu para outro apostador, que preferiu não se frustrar.

"Esteve aqui um outro cliente que ia comprar esta raspadinha, mas que se arrependeu antes de fazê-lo porque estava desiludido, já que nunca lhe saía nada", contou o dono do estabelecimento. Segundo ele, o serralheiro que ganhou o prêmio mal podia acreditar quando raspou o talão e encontrou 15 pinheiros, a exigência para o prêmio.

"Até estava contando mal os pinheiros e pediu ajuda. Quando percebeu, ficou mesmo contente e fez a festa", completou.

Apesar do prêmio de 100 mil euros anunciado, o sorteado recebeu "apenas" 81 mil euros (cerca de R$ 377 mil), já que prêmios acima de 5 mil euros em Portugal estão sujeitos a um imposto de cerca de 20% do valor bruto. Ainda assim, o serralheiro prometeu comemorar com amigos e familiares.

Pai e filho dão golpe de bilhete premiado em idosa

Band Notí­cias

Internacional