PUBLICIDADE
Topo

Detentos fazem protesto por medo do coronavírus em prisões na Argentina

Presos fazem protesto por medo do coronavírus em prisão em Santa Fé, na Argentina - Reprodução/AiredeSantaFe
Presos fazem protesto por medo do coronavírus em prisão em Santa Fé, na Argentina Imagem: Reprodução/AiredeSantaFe

Do UOL, em São Paulo

24/03/2020 16h02

Mais de 250 detentos das prisões de Coronda e Las Flores, em Santa Fé, na Argentina, fizeram protestos ontem por medo do coronavírus, informaram jornais locais. No país, são mais de 266 casos confirmados e quatro mortos por conta do vírus.

Pelo menos uma pessoa foi morta durante os tumultos dos prisioneiros, que alegaram que as cadeias estão com medidas inadequadas para impedir a disseminação do vírus entre os presos.

As autoridades acreditam que os distúrbios simultâneos foram planejados entre os presos nas respectivas prisões.

Alguns vídeos, a maioria registrada por presos, mostram os detentos protestando em telhados e outros locais da prisão de Coronda, enquanto guardas disparam balas de borracha da torre de vigia.

Outros vídeos mostram o interior da prisão de las Flores, onde os presos criaram uma barricada dentro de Las Flores.

"Estamos aqui protestando, estamos aqui reivindicando nosso direito porque somos seres humanos e somos tratados pior que animais, pior que objetos. Não temos nenhum direito a assistência médica aqui. Você pode estar morrendo aqui e eles nem chegam até você", diz um preso em um vídeo.

Internacional