PUBLICIDADE
Topo

União Europeia faz acordo por potenciais medicamentos contra o coronavírus

Os suprimentos seriam garantidos a qualquer um dos 27 estados membros da União Europeia - Cristina Arias/Cover/Getty Images
Os suprimentos seriam garantidos a qualquer um dos 27 estados membros da União Europeia Imagem: Cristina Arias/Cover/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

08/07/2020 12h55

A Comissão Europeia fez acordos com as farmacêuticas Roche e Merck KGaA para garantir o fornecimento de tratamentos experimentais para a covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. As informações são da Reuters.

Os acordos abrangem o medicamento para artrite RoActemra, da Roche, e o medicamento para esclerose múltipla Rebif, da Merck. Os termos do trato, porém, não foram divulgados.

Ambos os medicamentos têm como alvo proteínas no corpo associadas à inflamação, e há esperança de que possam ajudar pacientes diagnosticados com a covid-19 gravemente doentes que sofrem de reações do sistema imunológico que podem levar à falência de órgãos.

A Roche ainda está realizando testes com o RoActemra. O medicamento também foi testado em pacientes com a doença em combinação com o remdesivir, o único medicamento autorizado pela UE no tratamento contra o coronavírus.

Ainda segundo a publicação, os suprimentos serão garantidos a qualquer um dos 27 estados membros da União Europeia dispostos a comprá-los.

Coronavírus