PUBLICIDADE
Topo

Internacional

EUA: grupo ligado a 8 mortes e 180 infecções por covid fará novo casamento

O pastor Todd Bell, morador do estado do Maine, que realizou um casamento em outubro responsável por espalhar covid para ao menos 180 pessoas - Reprodução
O pastor Todd Bell, morador do estado do Maine, que realizou um casamento em outubro responsável por espalhar covid para ao menos 180 pessoas Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

30/09/2020 14h55

A família de um pastor norte-americano, responsável por um casamento ligado a pelo menos oito mortes por coronavírus e quase 200 casos no estado do Maine (EUA), se reunirá para uma nova celebração no próximo mês. As informações são do Bangor Daily News.

O pastor Todd Bell, da Calvary Baptist Church, vai acompanhar o casamento do filho, marcado para 17 de outubro. A celebração será em igreja na cidade de Portsmouth, no estado de Nova Hampshire.

A porta-voz da Igreja, Jennifer Leyden, disse que a cerimônia será conduzida por um 'ministro da família', embora não esteja claro se será Bell. Cerca de 50 convidados devem comparecer ao casamento e serão obrigados a usar máscaras, disse Leyden ao jornal.

A cerimônia anterior aconteceu na cidadezinha de Millinocket, no estado do Maine. Um dos motivos desta festa que terminou em tragédia é que os convidados para o casamento do dia 7 de agosto eram 65, mais do que o máximo permitido de 50 pessoas.

Eles primeiro compareceram a uma cerimônia em uma igreja batista, e depois a uma recepção no Big Moose Inn, ambos perto de Millinocket, uma cidade de 4 mil habitantes.

Dez dias depois, 24 pessoas ligadas ao casamento testaram positivo para a covid-19, e o Maine Center for Disease Control abriu uma investigação.

Do total, 39 casos e seis mortes ocorreram em um lar de idosos a 160 km de Millinocket.

Mais de 80 casos foram identificados em uma prisão a 370 km do local do casamento — um dos guardas compareceu ao casamento — e há 10 casos prováveis em uma igreja batista na mesma região.

Internacional