PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Cadela anda 100 km em duas semanas em tentativa de voltar para sua casa

Ping foi vista mancando, com as patas sangrando, no lado externo de um prédio comercial (à esquerda) e foi resgatada - Reprodução/Jianghai Evening News
Ping foi vista mancando, com as patas sangrando, no lado externo de um prédio comercial (à esquerda) e foi resgatada Imagem: Reprodução/Jianghai Evening News

Do UOL, em São Paulo

03/11/2020 10h21

A cadela Ping An andou por mais de 100 quilômetros em 14 dias tentando voltar para a casa após ser deixada em um lar temporário por seus donos durante quatro meses devido a uma reforma na residência deles, na China. Ping fugiu do local e foi encontrada desnutrida e com as patas sangrando depois de duas semanas do desaparecimento. Os donos foram achados após postagens nas redes sociais e recuperaram a cadela.

A cadela da raça golden retriever, de um ano de vida, foi deixada na casa de amigos dos donos dela na cidade de Nantong a mais de 100 quilômetros de sua casa em Qidong. A decisão dos proprietários do pet aconteceu em razão de uma reforma no local.

Segundo o site Jianghai Evening News, após quatro meses no espaço, Ping fugiu e andou por cerca de 100 quilômetros em 14 dias. Durante a caminhada, a cadela foi vista mancando, com as patas sangrando, no lado externo de um prédio comercial.

Pessoas que estavam no local decidiram salvar Ping. Uma das pessoas que participou do resgate informou que a cadela parecia "bastante deprimida depois de não conseguir encontrar seus donos".

Após cuidarem dos ferimentos de Ping, os salvadores da cadela foram até o WeChat, aplicativo de mensagens popular na China, e compartilharam informações do animal em busca dos donos dela. No mesmo dia, os donos de Ping viram a mensagem nas redes sociais e reencontraram a cadela.

Em um vídeo compartilhado pelo site Daily Mail é possível ouvir os donos de Ping falando: "Ping An, você trabalhou muito. De agora em diante, fique em casa. [Nós] nunca a mandaríamos embora".

Segundo os donos, a golden retriever foi levada ao veterinário e está se recuperando dos ferimentos adquiridos após a longa caminhada.

Internacional