PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Mulher é surpreendida por invasor enquanto grava TikTok; assista

Caso aconteceu no sábado (28), em Maryland (EUA) - Reprodução/TikTok
Caso aconteceu no sábado (28), em Maryland (EUA) Imagem: Reprodução/TikTok

Colaboração para o UOL, em São Paulo

01/12/2020 11h39

Hannah Viverette, moradora de Hagerstown, em Maryland (EUA), viralizou após ser surpreendida por um invasor enquanto gravava um TikTok em seu celular. O homem foi detido e liberado após pagamento de fiança.

O "momento mais assustador" da vida de Hannah aconteceu no sábado (28), em sua própria residência. No vídeo, é possível observar o estado de choque em que ficou a mulher. As imagens mostram ela dançando e, de repente, parando movimento e assumindo uma postura defensiva.

Hannah olha para a porta de sua casa e pergunta "Quem é você?" por repetidas vezes. O homem, identificado pela polícia como Angel Moises Rodriguez Gomez, perguntava, em espanhol: "sou seu amigo?". Ao ser expulso da residência, ele indaga novamente - "tem certeza?".

Hannah pega o celular para filmar a invasão e corre para pedir ajuda a um vizinho. Poucos segundos depois, o invasor desaparece. Após a invasão, a mulher postou o vídeo no TikTok com a legenda: "Aquele momento em que você está se gravando dançando e seu perseguidor sobe na varanda do segundo andar para entrar", diz o post, que atingiu quase 10 milhões de interações em três dias.

Gomez já possuía ficha criminal, com registros de roubo em terceiro e quarto graus, assalto de segundo grau, perseguição e destruição maliciosa de propriedade. Após a denúncia, Hannah detalhou o caso em uma postagem no Facebook.

"Chegamos ao momento mais assustador da minha vida, loucamente documentado. Como muitas pessoas sabem, adoro dançar. É minha válvula de escape, minha meditação, meu lugar seguro", contou no início do post.

Ela descreve o momento em que Gomez a surpreendeu: "[Era] Um rosto que eu tinha visto na área do meu complexo de apartamentos desde que me mudei, mas nunca falei uma palavra. Um homem que faz questão de me observar e faz muitos avanços incômodos para mim à distância, há meses. Por muito tempo eu ignorei, assumindo que ele era apenas um canalha. Foi no momento em que fiquei cara a cara com ele na minha porta que soube que ele estava lá para me machucar. Ele manteve as mãos nos bolsos do moletom com um sorriso malicioso no rosto", detalhou.

Hannah pode ter se livrado de uma ação ainda mais grave. Segundo a declaração, depois de acionar o 911 (telefone da emergência dos EUA), ela notou que os cabos das luzes de decoração de natal, dispostos na parte externa de sua casa foram arrancados. A dançarina acredita que tenha sido o invasor e que ele poderia usar o material contra ela.

Hannah conclui contando que Gomez foi preso, mas liberado mediante ao pagamento de fiança, e desabafou: "Eu me recuso a viver com medo e me recuso a deixá-lo continuar fazendo isso comigo ou com qualquer pessoa".

Internacional