PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Joe Biden chega a Washington em avião particular para posse como presidente

Joe Biden chega a Washington onde tomará posse como presidente dos EUA - JIM WATSON / AFP
Joe Biden chega a Washington onde tomará posse como presidente dos EUA
Imagem: JIM WATSON / AFP

Do UOL, em São Paulo

19/01/2021 18h17

O democrata Joe Biden, de 78 anos, chegou agora há pouco a Washington, onde tomará posse como 46º presidente dos Estados Unidos ao meio-dia de amanhã, substituindo o republicano Donald Trump, cuja caótica presidência de quatro anos deixou a população americana profundamente dividida

Biden foi para a capital americana em um jato particular —tradicionalmente, a Casa Branca oferece um avião da Força Aérea para levar o presidente eleito, o que não ocorreu este ano. Ele desceu da aeronave ao lado da mulher, Jill Biden, de 69 anos, e posou para fotógrafos. Depois entrou em um carro e foi seguido por um forte esquema de segurança.

A cerimônia de posse do democrata Joe Biden e da vice Kamala Harris está marcada para amanhã. Diferentemente dos anos anteriores, o evento não contará com a presença do público por conta da pandemia do novo coronavírus.

Para representar aqueles que não poderão comparecer, porém, o National Mall foi decorado com quase 200 mil bandeiras americanas —o National Mall é o equivalente à região de Brasília onde está localizada a Praça dos Três Poderes.

O local abriga monumentos históricos, como o Memorial Lincoln e o Monumento de Washington, por exemplo, além do Capitólio, onde se reúne o Congresso americano, e a Casa Branca. As bandeiras foram colocadas no passeio que liga o Capitólio ao Memorial.

O comitê de posse Biden informou que as bandeiras representam "um compromisso com um evento inclusivo e seguro de que todo mundo pode participar de casa", segundo o jornal The New York Times.

Às vésperas da cerimônia, a cidade de Washington está sitiada. As medidas de distanciamento e a forte presença militar na capital americana por precaução depois da invasão ao Capitólio, em 6 de janeiro, por apoiadores de Donald Trump tornam a posse do novo presidente tão incomum quanto os tempos atuais.

Mesmo sem a presença do público, políticos republicanos e democratas confirmaram presença na cerimônia de posse de Biden. O vice-presidente Mike Pence participará do evento, assim como os ex-presidentes Barack Obama e Bill Clinton.

O republicano Donald Trump, entretanto, já declarou que não irá à posse —o presidente que está prestes a deixar o cargo não é obrigado a comparecer à posse do sucessor, mas Trump será apenas o quarto presidente da história dos Estados Unidos a fazê-lo, segundo a Folha de S.Paulo. Ele se juntará a John Adams (1801), o filho dele, John Quincy Adams (1829), Andrew Johnson (1869), todos do século 19.

Internacional