PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Risco de desabar? ilusão de ótica faz ponte parecer inclinada nos EUA

Ilusão de ótica dá impressão que ponte em Raleigh, na Carolina do Norte (EUA), está inclinada  - Reprodução/CBS 17/Youtube
Ilusão de ótica dá impressão que ponte em Raleigh, na Carolina do Norte (EUA), está inclinada Imagem: Reprodução/CBS 17/Youtube

Colaboração para o UOL, em São Paulo

05/03/2021 15h34

Uma ilusão de ótica faz uma ponte parecer que está inclinada, assustando residentes de Raleigh, na Carolina do Norte, Estados Unidos. Mas o departamento de transporte do estado norte-americano garantiu que não há perigo nenhum de desabamento na estrutura.

De acordo com a emissora WNCN-TV, a ilusão é causada pelo fato da parede da ponte ter sido construída em uma curva. A construção, que foi inaugurada em dezembro de 2020, liga duas estradas interestaduais de Raleigh, a Interestadual 440 West até a Interestadual 40 East.

"O muro [da estrutura] foi inspecionado várias vezes no ano passado e não encontramos problemas até agora", garantiu Marty Homan, porta-voz do NCDOT (Departamento de Transporte da Carolina do Norte), em entrevista ao canal de televisão.

Robert Bullock, engenheiro residente que supervisiona o projeto da 40 East, também enfatizou, ao canal CBS17, que é seguro para os motoristas dirigirem por cima e por baixo da ponte. "Continuamos monitorando [a ponte] como fazemos com muitas paredes para garantir que não haja problemas", disse Bullock.

"A primeira parte da parede o empreiteiro construiu um pouco mais reto, então há uma ligeira curva que algumas pessoas notam", explicou o engenheiro. "É o que cria um pouco dessa ilusão — um tipo de visualização pela qual pode parecer [que a ponte] se inclina para a frente", disse Bullock.

O departamento responsável pela construção também atestou que não há motivos para preocupação. "A NCDOT está satisfeita com o produto final da ponte suspensa, pois atende aos critérios de projeto, aos requisitos de segurança. É funcionalmente sólida e atende com sucesso às necessidades do intercâmbio [de veículos]", informou um representante.

Internacional