PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
8 meses

China: Golpistas se fantasiam de mulheres para chantagear vítimas na web

Golpistas chineses usam peruca, seios postiços e roupas sensuais para aplicar golpes - Reprodução/Polícia chinesa
Golpistas chineses usam peruca, seios postiços e roupas sensuais para aplicar golpes Imagem: Reprodução/Polícia chinesa

Colaboração para o UOL, em São Paulo

21/05/2021 15h06

A Polícia chinesa divulgou nesta semana um vídeo para alertar usuários da web contra golpistas que se passam por mulheres para cometer extorsões por meio de chantagem.

Segundo uma reportagem do South China Morning Post, casos de extorsões na web têm ocorrido com frequência. Na prática, homens utilizam fantasias realistas como seios de plástico, peruca, maquiagem e roupas sensuais para trocarem vídeos com usuários da web por chamadas de vídeo.

Depois, eles atraem as vítimas para um número de celular pessoal, identificam os dados da pessoa e ameaçam enviar vídeos íntimos a familiares e amigos das vítimas, a fim de expô-las em troca de dinheiro.

Em uma ação publicitária, a polícia emitiu um vídeo no site Weibo no qual dois policiais usam os trajes utilizados pelos golpistas para depois anunciar que tudo se trata de uma farsa. "Você acha que o que você vê é o que você pensa?", questionou uma autoridade no vídeo. "Meninos, não conversem nus. Isso é fraude", dizia o aviso.

A polícia ainda informou que os maiores alvos dos golpistas são pessoas algum status social ou que ocupam cargos de professores, médicos ou servidores públicos.

Polícia quer conscientizar população dos riscos de golpes via internet - Reprodução/Polícia chinesa - Reprodução/Polícia chinesa
Polícia quer conscientizar população dos riscos de golpes via internet
Imagem: Reprodução/Polícia chinesa

Internacional