PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Passageiro é amarrado a assento durante voo após assediar comissárias

Passageiro ainda tentou golpear comissário antes de ser amarrado - Reprodução/Twitter
Passageiro ainda tentou golpear comissário antes de ser amarrado Imagem: Reprodução/Twitter

Colaboração para o UOL, em São Paulo

03/08/2021 19h06

Um homem de 22 anos foi amarrado ao assento de um avião que tinha como destino a cidade de Miami, na Flórida (EUA), após assediar duas comissárias de bordo e desferir golpes contra um comissário, no sábado (31).

O caso de Maxwell Berry, nascido em Norwalk, em Ohio (EUA), foi registrado em vídeo que mostra a fúria do jovem. Segundo o canal de TV Fox 8, que teve acesso ao relatório policial, Berry começou a mostrar um comportamento desrespeitoso depois que ingeriu dois copos com bebida alcoólica. Ao pedir o terceiro, esfregou o copo vazio nas costas da comissária.

Em seguida, derrubou a nova bebida em sua camisa e se levantou para ir ao banheiro se secar. O norte-americano começou a andar sem camisa pelos corredores da aeronave e recebeu uma advertência das comissárias.

De acordo com o documento policial, Berry passou as mãos nos seios de duas funcionárias da companhia Frontier Airlines. Um comissário ficou encarregado de vigiar o jovem, que começou a ofendê-lo.

Berry tentou dar dois socos no profissional antes de ser contido pelo segurança, que o imobilizou com a força corporal e utilizou fita adesiva para amarrá-lo ao assento. O vídeo que mostra essa parte da confusão foi gravado por um passageiro.

O homem foi detido pela Polícia de Miami e está sob custódia. Em nota, a companhia aérea informou que "um passageiro fez contato físico inadequado com uma comissária de bordo e posteriormente agrediu fisicamente outro comissário", explicou a empresa.

Os funcionários envolvidos foram suspensos, conforme exigido em tais circunstâncias, do posto de trabalho até a conclusão do caso.

Internacional