PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
3 meses

Brasileira acha filho desaparecido há 3 semanas nos EUA e faz alerta

Karen Cabral encontra o filho Geraldo, depois de mais de 20 dias desaparecido - Reprodução/Instagram
Karen Cabral encontra o filho Geraldo, depois de mais de 20 dias desaparecido Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

01/10/2021 10h23Atualizada em 01/10/2021 17h36

A brasileira Karen Cabral procurou por mais de 20 dias o filho que vive nos Estados Unidos e estava desaparecido desde 10 de setembro e, após uma ampla divulgação do caso, a história teve um desfecho feliz: Geraldo Furquim Vieira, de 22 anos, foi encontrado. Segundo a mãe, ele teve um ataque de pânico e perdeu a memória.

Sem dar muitos detalhes, Karen contou nas redes sociais que "recebeu informações confidenciais" e encontrou Geraldo em um hospital. "Neto teve um ataque de pânico, perda temporária de memória e foi diagnosticado com forte depressão", escreveu ela.

"Estava sem celular, sem documentos e não tinha como entrar em contato sem saber o número de ninguém de memória. Neste momento ele precisa de amor, tratamento e muitos cuidados", completou Karen.

Ainda segundo o relato da mãe, Geraldo, que mora em Washington DC desde fevereiro e trabalha como barbeiro, "não se recorda do dia em que foi encontrado desnorteado e não sabe como perdeu o telefone".

Karen agradeceu a todos os que a ajudaram na busca pelo filho, compartilhando fotos e os pedidos de ajuda e fez um alerta. "Mães, prestem atenção aos sinais. Meu filho deu sinais. Eu deixei passar e quase perdi meu filho".

Vieira estava desaparecido desde o dia 10 de setembro quando foi visto pela última vez em Manassas Park, no estado da Virginia. O jovem completou 22 anos no dia 22 de setembro, enquanto estava desaparecido. Natural de Quirinópolis (GO), Karen mora na Bélgica atualmente.

Internacional