PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Menino de 11 anos falta aula e viaja 350 km de trem: 'Quero ver o Coliseu'

Coliseu, em Roma; Garoto faltou aula, pois queria ver a obra milenar - Getty Images
Coliseu, em Roma; Garoto faltou aula, pois queria ver a obra milenar Imagem: Getty Images

Do UOL, em São Paulo

15/10/2021 23h09Atualizada em 15/10/2021 23h09

Um garoto de apenas 11 anos "matou" aula na escola em Pontedera, localizada na província de Pisa, na Itália, e decidiu ir sozinho para Roma. Ele fugiu e afirmou que queria apenas conhecer o Coliseu, a 350 km da casa dele.

"Eu quero ver o Coliseu", teria dito o menino aos agentes de polícia ao ser parado na estação Tiburtina em Roma, na manhã da última quarta-feira (13), de acordo com o jornal italiano La Nazione.

A essa altura, seis patrulhas do Carabinieri, força armada e de segurança da Itália, procuravam a criança no entorno da sua escola, De Amicis da Vila Piaggio, de onde ele fugiu dos cuidados de professores e zeladoria.

Filho de pais estrangeiros, ele mora apenas com a mãe em Pontedera. As seis patrulhas receberam uma foto dele para ajudar nas buscas. Sem sucesso em achá-lo na cidade, as polícias de todo o território nacional foram acionadas.

Para alívio da mãe, professores e patrulheiros, no início da tarde do dia que o menino sumiu, um telefonema foi feito da estação Tiburtina pela Polícia Ferroviária. Os agentes haviam encontrado o garotinho, que conseguiu viajar sem passagens.

Como ele fez isso? Segundo as autoridades, se escondendo em banheiros do trem sempre que via a aproximação do fiscal que as verifica. Passado todo susto, a criança está bem e sua mãe foi buscá-la em Roma. Por ora, ainda não está claro como o menino ficou tanto tempo sem ter a ausência notada na escola ou quando ele conseguiu embarcar.

Internacional