PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Americana morre após se engasgar em competição de comer cachorro-quente

Madelyn, de 20 anos, participava de competição de "comilança" quando engasgou - Reprodução/ The Journal News
Madelyn, de 20 anos, participava de competição de 'comilança' quando engasgou Imagem: Reprodução/ The Journal News

Colaboração para o UOL, em São Paulo

21/10/2021 11h55Atualizada em 22/10/2021 19h04

A estudante Madelyn Nicpon, de 20 anos, morreu nos Estados Unidos após se engasgar durante uma competição de comer cachorros-quentes.

Madelyn, atleta de destaque e líder estudantil da Suffern High School, onde se formou em 2019, morreu em um hospital de Boston, no domingo, um dia após se engasgar e ficar inconsciente.

Segundo o The Journal News, a competição tinha o objetivo de arrecadar fundos para a Universidade Tufts e estava sendo realizada fora do campus universitário.

Na noite de domingo, cerca de 3 mil alunos, professores e funcionários da universidade se reuniram no Gantcher Center para prestar homenagem à estudante e jogadora de lacrosse - modalidade jogada com tacos, muito comum na América do Norte.

Com velas e camisetas com o número 2, mesmo usado por Madelyn, eles fizeram vigília e orações.

Nas redes sociais, diversos amigos da estudante prestaram homenagens e lamentaram a morte precoce da universitária.

"Scooter era uma verdadeira amiga e colega de equipe. Ela realmente valorizava seu relacionamento com seus companheiros de equipe e treinadores. Seu alcance estava muito além de nossa equipe - ela era um verdadeiro conector no campus e tocou cada pessoa que conheceu", escreveu o time de Madelyn no Instagram.

Internacional