Conteúdo publicado há 2 meses

Lula critica descumprimento de acordos para clima: 'Precisa ter governança'

O presidente Lula criticou lideranças políticas mundiais pelo descumprimento de acordos para o clima.

O que aconteceu

Lula cobrou "decisões mais corajosas e rápidas" da comunidade internacional. "Precisamos ter uma governança global para ajudar a cuidar do planeta. Se você toma uma decisão qualquer em benefício do mundo e ela tiver que ser votada internamente pelo seu Congresso Nacional, significa que ninguém vai cumprir", disse o presidente brasileiro em Doha, no Qatar.

O petista fez críticas ao descumprimento de acordos mundiais para o clima. "Até hoje os EUA não cumpriram o protocolo de Kyoto. O Acordo de Paris não foi cumprido em quase lugar nenhum do mundo. Se os governantes democratas querem continuar sendo acreditados pelo povo, é preciso que a gente comece a fazer as coisas que as pessoas estão achando que nós devemos fazer", acrescentou Lula.

Presidente brasileiro está em viagem ao Oriente Médio. Ele chegou à Arábia Saudita na terça-feira (28) com o objetivo de arrecadar investimentos para o Brasil e desembarcou ontem em Doha, no Qatar. A viagem ainda terá uma última parada nos Emirados Árabes Unidos, onde ocorre a COP28.

Lula aproveita a oportunidade para "vender" o Novo PAC. O programa é o carro-chefe do governo para o ano que vem e depende em especial das PPPs (Parcerias Público-Privadas) para atingir o investimento almejado de até R$ 1 trilhão, em quatro anos. Por parte da União, será desempenhado um quarto do valor: R$ 240 bilhões —R$ 60 bilhões por ano.

Lula exaltou mediação do Qatar em guerra

O presidente do Brasil saudou, mais cedo, o acordo realizado entre Israel e Hamas para a libertação de reféns. Ele reforçou a presença de mulheres e crianças entre eles.

A presença de Lula em Fórum Empresarial foi seu primeiro compromisso em Doha. Na sequência, ele teve uma reunião com Tamim bin Hamad al-Thani, emir do Qatar. Ele disse que falou com o emir sobre investimentos em transição energética no Brasil e também sobre petróleo.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes