Conteúdo publicado há 2 meses

'Ameaça potencial': avião é obrigado a fazer pouso de emergência nos EUA

Um avião foi forçado a fazer um pouso de emergência a centenas de quilômetros de seu destino depois que uma "ameaça potencial" foi relatada.

O que se sabe

Um porta-voz do FBI em Jacksonville disse que uma "ameaça potencial" foi relatada a bordo da aeronave, um Airbus A220-300 (bimotor a jato), provocando o pouso de emergência, segundo apurou a Fox News.

Autoridades informaram que o voo MXY717 da Breeze Airways saiu do Aeroporto Internacional de Orlando às 16h28 de ontem (5) e estava programado para pousar no Rhode Island T.F. Green International Airport.

Pouco mais de uma hora após o início do voo, porém, ele foi desviado para Jacksonville, na Flórida, onde fez um pouso de emergência, às 17h52.

"Os agentes estão interrogando os envolvidos, mas até o momento não há informações que indiquem a existência de qualquer ameaça legítima", disse o porta-voz do FBI.

A Administração Federal de Aviação disse que a "tripulação da companhia aérea relatou um distúrbio" a bordo do Airbus A220, em um comunicado enviado à Fox News.

A Autoridade de Aviação de Jacksonville também disse em comunicado que um "incidente a bordo da aeronave" fez com que o avião fosse desviado.

A Breeze Airways ainda não se pronunciou sobre o incidente.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes