Conteúdo publicado há 22 dias

'Chapéu Mexicano' falha na Rússia e deixa 13 pessoas penduradas a 15 metros

Após falha em um brinquedo, 13 pessoas ficaram penduradas a mais de 15 metros de altura em um parque de diversões na Rússia no domingo passado (16). Esse é o segundo acidente em parques de diversões russos no mês de junho. Ninguém ficou ferido.

O que aconteceu

O brinquedo, que no Brasil é popularmente chamado de "Chapéu Mexicano", apresentou falha por 25 minutos. Segundo informações da emissora norte-americana Fox News, o Corpo de Bombeiros foi acionado após esse período e ninguém ficou ferido.

O governo russo informou que "investigará a causa do mau funcionamento". O Emercon (Ministério de Situações de Emergência) informou ao canal de notícias que as 13 pessoas que estavam suspensas foram resgatadas por uma escada dos bombeiros após "os passeios de balanço no parque de diversões terem sido interrompidos por falhas técnicas."

Um vídeo mostra o momento em que a equipe de resgate retira pessoas do brinquedo. Foi preciso utilizar uma escada para retirar as 13 pessoas que estavam presas. O órgão respondeu à emissora que conseguiu fazer o resgate rapidamente e sem maiores problemas.

Reincidência nas falhas

A Rússia já teve problemas com parques de diversões. Segundo a Fox News, recentemente um acidente mais grave envolvendo a queda do teto de um carrossel deixou 20 pessoas feridas no país —pelo menos duas precisaram passar por cirurgias e a maioria delas eram crianças.

Nos EUA, no dia 14 de junho, um brinquedo falhou e deixou 28 pessoas penduradas de cabeça para baixo a 30 m de altura. O acidente aconteceu no Oaks Amusement Park, em Portland, no Oregon. A reportagem da Fox News entrou em contato com o parque, que diz ter acionado o Corpo de Bombeiros, mas não deu informações sobre feridos.

Deixe seu comentário

Só para assinantes