Topo

Ciclofaixa será testada também durante a semana, diz Kassab em encontro de prefeitos

Paulistanos aproveitam domingo de sol e calor para passear de bicicleta pela Ciclofaixa  - Monalisa Lins/UOL
Paulistanos aproveitam domingo de sol e calor para passear de bicicleta pela Ciclofaixa Imagem: Monalisa Lins/UOL

Matheus Lombardi

Do UOL, no Rio

19/06/2012 16h25Atualizada em 19/06/2012 20h22

O futuro de São Paulo está reservado para as bicicletas, segundo o prefeito Gilberto Kassab. Durante encontro do C40, grupo que reúne os prefeitos das maiores cidades do mundo, as novas políticas de acessibilidade foram o foco da fala de Kassab.

"Queremos ampliar a ciclofaixa, deixando pelo menos um dia da semana por mês. Os paulistanos vão se acostumar aos poucos com essa mudança. E, no futuro, teremos ciclofaixas todos os dias da semana. Porém, para isso é preciso continuarmos investindo na ampliação das linhas de metrô", disse.

O projeto Ciclofaixa é realizado aos domingos e feriados na cidade de São Paulo. Faixas de avenidas e ruas são interditadas para os carros.

Sobre o possível aumento de congestionamentos, já que o tráfego de carros é muito maior nos dias de semana, o prefeito disse que serão feitos testes.

"Serão realizados testes antes da implementação do programa, mas a possibilidade de dar certo é muito grande", declarou.

Pedágio urbano

Sobre a implementação de um pedágio urbano na cidade, Kassab afirmou que ainda não é possível tomar esse tipo de medida em São Paulo.

"Não é pelo fato de ser impopular. Mas é preciso dar condições das pessoas deixarem o carro em casa. Londres tem 400 km de metrô. Lá é possível tomar uma medida desse tipo."

SP assina convênio com Buenos Aires e Cidade do México

A cidade de São Paulo assinou durante a cúpula do C40 um convênio com as prefeituras da Cidade do México e de Buenos Aires para a troca de experiências e a busca de financiamentos conjuntos com órgãos internacionais.

"Queremos com isso buscar créditos para a compra de veículos menos poluentes, por exemplo. Trabalhando em conjunto conseguiremos resultados melhores e mais rápidos", disse Kassab.

Prefeitos fecham acordo

Os prefeitos do C40 anunciaram um acordo em parceria com o Banco Mundial, que irá financiar os projetos das megacidades para o tratamento dos resíduos sólidos.

O C40 acredita que, com a união dos prefeitos das maiores e mais importantes cidades do planeta, será mais fácil encontrar soluções para problemas urgentes, como o manejo do lixo e o transporte.

Problemas das cidades

Os desafios mais comuns enfrentados pelas cidades incluem trânsito, falta de fundos para prover serviços básicos, a falta de habitação adequada e infraestrutura em declínio.

Metade da humanidade – 3,5 bilhões de pessoas – vivem hoje em cidades. Até 2030, quase 60% da população mundial viverá em áreas urbanas.

As cidades ocupam apenas 2% de toda a terra do planeta, mas respondem por 60% a 80% do consumo de energia e por 75% das emissões de carbono.

Mais Meio Ambiente