Topo

Leonardo DiCaprio arrecada mais de R$ 77 mi para meio ambiente em leilão

Em Nova York

2013-05-14T12:24:25

14/05/2013 12h24

O ator americano Leonardo DiCaprio arrecadou nesta segunda-feira mais de US$ 38 milhões (cerca de R$ 76,2 milhões) para a defesa do meio ambiente e de espécies em risco de extinção, durante um leilão de arte contemporânea em Nova York.

"Por favor, façam ofertas como se o destino do planeta dependesse de nós", disse DiCaprio, vestido sobriamente com terno escuro e camisa branca, no início do leilão na sede da Casa Christie's de Nova York.

O pedido foi atendido: 33 obras arrematadas pelo total de US$ 33,3 milhões para a Fundação Leonardo DiCaprio, um recorde para leilão voltado à defesa do meio ambiente, segundo os organizadores.

Além das vendas, mais US$ 5 milhões destinados a proteger os tigres foram doados por uma pessoa não identificada e US$ 500 mil de contribuições de outras pessoas, o que elevou o total a US$ 38,8 milhões, destacou a casa Christie's.

Em um ambiente festivo, o leilão começou com um grafite em acrílico do célebre artista britânico Banksy sendo vendido por US$ 310 mil (R$ 621,5 mil), o triplo do preço estimado.

Uma pintura do americano Mark Grotjahn obteve US$ 6,51 milhões (R$ 13 milhões), dobrando a previsão, e outra do chinês Zeng Fanzhi, El tigre, procedente da coleção do magnata François Pinault, recebeu US$ 5,04 milhões (R$ 10 milhões).

Um retrato de DiCaprio pintado em 2013 pela americana Elizabeth Peyton foi leiloado por US$ 1,05 milhão (R$ 2,1 milhões), muito acima da estimativa de entre US$ 400 mil e US$ 600 mil.

O ator de 38 anos explicou que o dinheiro arrecadado "irá diretamente para apoiar projetos inovadores de conservação da terra e dos oceanos".

"Estamos enfrentando um momento crítico de uma crise ambiental sem precedentes na história do homem", disse DiCaprio.

Mais Meio Ambiente