TSE nega registro de prefeito eleito em Redenção (PA)

Do UOL Notícias
Em São Paulo

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) negou registro do prefeito eleito de Redenção (PA) Wagner Fontes. O ministro Eros Grau alegou que Fontes teve suas contas rejeitadas quando governou a cidade, em 1996.

Wagner Fontes já estava inelegível quando solicitou o registro de sua candidatura pelo PTB, de acordo com o ministro. Em janeiro de 2006, época em que transitou em julgado a decisão do Tribunal de Contas da União (TCU) sobre a rejeição de suas contas, voltou a vigorar a sua ineligibilidade, suspensa desde 2004, época em que era possível voltar a ser elegível apenas com o ajuizamento de recurso. Fontes está inelegível até dezembro de 2009.

No dia 5 de outubro deste ano, Wagner Fontes obteve 21.738 votos (59,30%) para prefeito.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos