Topo

Witzel justifica Harvard no currículo e vira piada: 'programei estudar lá'

Vanessa Alves Baptista

Do UOL, em São Paulo

23/05/2019 18h21

O governador do Rio, Wilson Witzel (PSC), virou piada na internet depois de explicar ontem por que colocou Harvard no currículo acadêmico, sem nunca ter estudado na universidade americana. Ele afirma que se tratava de um projeto que teve que SER renunciado.

"Fiz uma programação de fazer um doutorado sanduíche na universidade de Harvard. Felizmente, fui eleito governador do estado do Rio e fui obrigado a mudar meu projeto de doutorado. Não poderei estar em Harvard".

Aluno de ciência política na UFF (Universidade Federal Fluminense), o governador havia declarado na plataforma Lattes --site em que pesquisadores e estudantes registram suas atividades acadêmicas--, que iniciou em 2015 doutorado "com período sanduíche [cursado no exterior] em Harvard University".

O descompasso entre expectativa e realidade virou piada nas redes:

Outros demonstram uma certa revolta.

Há quem se diga surpreso com os interesses acadêmicos do governador.

Também foi a oportunidade para uma enquete: quando você ficou só na intenção?

Teve gente que foi mais longe: "Eu quase virei um neurocirurgião"

E outros acharam até uma escola pertinho do governador.

Para terminar, o hit do momento.

Mais Política