PUBLICIDADE
Topo

Política

Sérgio Cabral consegue transferência e vai para mesma prisão de Pezão

Juiz Marcelo Bretas autorizou a transferência do ex-governador do Rio Sérgio Cabral (à esq.); ele vai para o mesmo presídio do também ex-governador Pezão (à dir.) - Jorge William/Agência O Globo
Juiz Marcelo Bretas autorizou a transferência do ex-governador do Rio Sérgio Cabral (à esq.); ele vai para o mesmo presídio do também ex-governador Pezão (à dir.) Imagem: Jorge William/Agência O Globo

Do UOL, em São Paulo

03/10/2019 16h28

O juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal, autorizou na tarde de hoje a transferência do ex-governador Sérgio Cabral. Ele vai deixar o presídio de Bangu 8, na zona oeste do Rio, e vai para a Unidade Prisional Militar, em Niterói, região metropolitana, onde também está preso o ex-governador Luiz Fernando Pezão.

A defesa alegou que Cabral tem um "comportamento exemplar" e que ele vem colaborando com a Justiça.

Em despacho, Bretas apoiou a transferência de Cabral citando a sua segurança no presídio. "É notório que o acusado Sérgio Cabral vem adotando participação colaborativa no curso das ações penais que responde perante este Juízo, o que, de fato, pode gerar certas animosidades dentro do ambiente carcerário", escreveu.

Preso desde novembro de 2016 e já condenado a 197 anos e 11 meses de prisão, Cabral admitiu em fevereiro, pela primeira vez em depoimento à Justiça, que recebeu propina durante suas gestões como governador. A mudança de discurso ocorreu após a troca de advogado --Marcio Delambert assumiu a defesa de Cabral em 3 de janeiro deste ano. Ele é tratado pelo MPF como réu confesso.

Em setembro, o ex-governador do Rio se tornou réu pela 30ª vez, agora por sonegação fiscal de R$ 10.402.040,91.

Política