PUBLICIDADE
Topo

Política

Benedita da Silva registra queixa por racismo contra usuário do Facebook

Ao lado dos advogados, a deputada Benedita da Silva (PT-RJ) exibe boletim de ocorrência; ela prestou queixa contra usuário do Facebook que fez ofensas racistas a ela.  - Arquivo Pessoal/Benedita da Silva
Ao lado dos advogados, a deputada Benedita da Silva (PT-RJ) exibe boletim de ocorrência; ela prestou queixa contra usuário do Facebook que fez ofensas racistas a ela. Imagem: Arquivo Pessoal/Benedita da Silva

Anelise Gonçalves

Colaboração para o UOL, do Rio

31/08/2020 18h11

A deputada federal Benedita da Silva (PT), de 78 anos, registrou nesta segunda-feira (31) um boletim de ocorrência após ser vítima de ofensas racistas no Facebook.

Um usuário postou uma série de insultos direcionados à parlamentar por ela ter sido a responsável pela consulta ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que levou ao fatiamento proporcional do fundo eleitoral entre candidatos brancos e negros a partir de 2022.

Na denúncia, foi feita na segunda-feira (31) na Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (DECRADI), Centro do Rio, ela acusa o usuário pelo crime de racismo, injúria e difamação racial. O suspeito é um homem que se apresenta como "administrador especialista em gestão de pessoas" e morador de Belém (PA).

Na postagem, o usuário dispara diversas ofensas a Benedita relacionadas ao seu gênero e sua raça. Menciona termos como "negra idiota" e "preta ridícula". Ele menciona os quilombolas de maneira pejorativa e afirma que as cotas eleitorais vão "inviabilizar os partidos".

O caso repercutiu no Facebook entre várias páginas e usuários, que compartilharam capturas de tela do texto e fotos do usuário, condenando a postagem racista. "Ofensa e agressão não são liberdade de expressão", afirmou uma internauta.

Sobre o episódio, Benedita da Silva comentou:

É lamentável que ainda tenhamos episódios assim, mas continuarei lutando, como sempre fiz em toda a minha vida. Não vão me calar jamais, pois racistas não passarão!

No Twitter, ela divulga foto ao lado do diretor da Comissão de Direitos Humanos da OAB-RJ, Rodrigo Mondego, a secretária de Combate ao Racismo do PT, Neide Jane, e o presidente do PT Carioca, Tiago Santana. Todos a acompanham para prestar a queixa. Benedita afirma que episódios assim não podem voltar a acontecer.

Procurado pelo UOL para comentar em que condições a postagem foi removida e dar declarações sobre o caso, o Facebook não se manifestou. A reportagem entrou em contato com o autor da postagem, mas ele não retornou as mensagens enviadas.

Política