PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
11 meses

Senado convida Pazuello a dar explicações sobre pandemia em plenário

O ministro Eduardo Pazuello deve prestar explicações sobre o caos sanitário no Brasil - Alex Falcão/Futura Press/Estadão Conteúdo
O ministro Eduardo Pazuello deve prestar explicações sobre o caos sanitário no Brasil Imagem: Alex Falcão/Futura Press/Estadão Conteúdo

Natália Lázaro

Colaboração para o UOL, em Brasília

04/02/2021 17h20

O Senado Federal aprovou em plenário o convite ao Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, para explicar o caos sanitário instalado no Brasil por conta da pandemia do novo coronavírus. O requerimento foi apresentado pela senadora Rose de Freitas (MDB-ES) e aprovado simbolicamente hoje à tarde, no início da primeira sessão da Casa em 2021.

"Um dos requerimentos é voltado a trazer o ministro da Saúde para que ele explique, informe, o que nós vivemos. As informações que temos são as da mídia que diz que houve expediência para isso... haverá...", pediu, ao plenário. "Estamos enfrentando os piores momentos da pandemia, com elevação, com a situação enfrentada no Amazonas", continuou.

Em apoio ao requerimento, o senador Major Olímpio (PSL-SP), ex-aliado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), usou o termo "maldito" e alegou ter "vergonha" do Brasil por conta das medidas de enfrentamento ao novo coronavírus.

"Sou brasileiro, mas já estou com vergonha do meu pais que perde mais de mil pessoas por dia. Maldito! Vamos chegar com mais de 400 mil mortes em março, podendo chegar a meio milhão de mortes ao fim do semestre", defendeu.

Em seguida, o senador Paulo Paim (PT- RS) apoiou o voto da senadora, com reforço de Randolfe Rodrigues (Rede-AP).

A deliberação foi feita durante primeira sessão em plenário após a eleição de Rodrigo Pacheco (DEM-MG). Os detalhes do convite a Pazuello, como data e hora, ainda serão discutidos entre os parlamentares e a pasta da Saúde.

Política