PUBLICIDADE
Topo

Política

Castro toma posse neste sábado e fala em diálogo para pacificar o Rio

Cláudio Castro assumiu o governo do Rio em agosto de 2020, quando Witzel foi afastado - ADRIANO ISHIBASHI/ESTADÃO CONTEÚDO
Cláudio Castro assumiu o governo do Rio em agosto de 2020, quando Witzel foi afastado Imagem: ADRIANO ISHIBASHI/ESTADÃO CONTEÚDO

Do UOL, em São Paulo

30/04/2021 22h31

Cláudio Castro (PSC) tomará posse como governador do estado do Rio de Janeiro neste sábado (1º). Ele vai assumir definitivamente o comando do estado após o Tribunal Especial Misto ter decidido pelo impeachment de Wilson Witzel. Castro defendeu o diálogo como forma de pacificar o Rio.

Em nota enviada à imprensa, a equipe de Cláudio Castro afirmou que ele "manterá sua premissa histórica do diálogo para superar os desafios de pacificar o Rio de Janeiro e unir esforços no enfrentamento à covid-19, à fome, à pobreza e pela geração de empregos".

Cláudio Castro vai assumir efetivamente o governo do Rio de Janeiro em uma cerimônia de posse na Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro) às 10h. Ele prestará o juramento constitucional e assinará o termo de posse. Mais tarde, às 14h, Castro fará um pronunciamento no Palácio da Guanabara, sede oficial do governo do estado.

Cláudio Castro é o governador em exercício no Rio desde 28 de agosto de 2020, quando Wilson Witzel, seu companheiro de chapa nas eleições de 2018, foi afastado do cargo por conta do processo de impeachment. Castro também é investigado por corrupção.

Presidente da Alerj diz que é 'hora de virar a página'

O presidente da Alerj, André Ceciliano (PT), divulgou um comunicado sobre o impeachment de Wilson Witzel. Segundo ele, "não é um capítulo feliz para o Rio de Janeiro ter o primeiro governador da história do Brasil destituído do cargo". Porém, o deputado afirmou que Witzel "escreveu o seu próprio destino".

"A hora agora é de virar essa página e seguir trabalhando em conjunto para o Rio superar os seus graves problemas, agravados após 14 meses de pandemia", defendeu.

Política