PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
5 meses

Paes se diz contra impeachment de Bolsonaro: 'Prefiro estabilidade'

Do UOL, em São Paulo e no Rio

13/08/2021 11h05Atualizada em 13/08/2021 13h47

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD), afirmou hoje ser contra o impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Paes argumentou que prefere a estabilidade no sistema político.

"As manifestações do Bolsonaro sobre o voto impresso são absurdas. Acho um absurdo o principal líder político do país se manifestar dessa maneira, aliás como se manifestou em relação a diversos temas dessa pandemia. Não acho que tem que ter o impeachment de Bolsonaro, ele tem que ser derrotado nas eleições, a não ser que cometa crime de responsabilidade digno desse nome", disse Paes ao UOL Entrevista.

O prefeito disse também que não concorda com o padrão de crime de responsabilidade que impuseram à ex-presidente Dilma Rousseff (PT).

"Estamos muito próximos das eleições, prefiro estabilidade democrática. As instituições são fortes o suficiente para sustentar esse besteirol [do Bolsonaro]".

Política