PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
3 meses

Zambelli rebate críticas sobre uso de verba pública para ir aos EUA

Um dos compromissos da viagem classificada como missão oficial foi presentear um conservador com um vinho - Pablo Valadares/Câmara dos Deputados
Um dos compromissos da viagem classificada como missão oficial foi presentear um conservador com um vinho Imagem: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

Colaboração para o UOL

25/01/2022 12h23Atualizada em 26/01/2022 19h07

A deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) rebateu no Twitter críticas por ter usado verba pública da Câmara para viajar aos Estados Unidos entre quarta-feira (19) e domingo (23). Durante a viagem, ela participou da March for Life - marcha contra o aborto - e se reuniu com lideranças do conservadorismo norte-americano.

A bolsonarista tem sido criticada nas redes sociais pelos próprios apoiadores.

Segundo o site da Câmara dos Deputados, Zambelli gastou R$ 10.939,68 em quatro diárias e meia. O tipo ou valor das passagens consta no sistema como "não cadastrado ou não informado".

"Quem pagou a passagem para a senhora ir aos EUA? Estou perguntando como eleitor de São Paulo e da senhora em 2018", escreveu um seguidor da parlamentar no Twitter. Ela respondeu que a passagem foi fruto de recursos próprios.

Para outro usuário da rede social que questionou a atuação da deputada, Zambelli disse que intercâmbio também faz parte do seu trabalho.

"O trabalho do deputado também consiste em fazer intercâmbio com outros países sobre aquilo que fui eleita para defender: direito à vida e liberdade, dentre outras coisas."

"Vinho Bolsonaro"

Durante a viagem classificada no site da Câmara como "missão oficial", a deputada Carla Zambelli também se encontrou com o CEO do Gettr - rede social utilizada por bolsonaristas e apoiadores do ex-presidente estadunidense Donald Trump, que não tem fiscalização contra desinformação -, e deu a ele de presente um vinho em homenagem ao presidente Jair Bolsonaro (PL).

"Dias especiais em Washington, traçando estratégias com aliados", escreveu a deputada na descrição da publicação.

Zambelli também visitou pontos turísticos da cidade e se reuniu com o embaixador brasileiro Nestor Foster Jr. "Tratamos sobre diversos assuntos e principalmente sobre a relação entre Brasil e EUA."

Procurada pelo UOL, a assessoria de imprensa da deputada Carla Zambelli disse apenas que a parlamentar fez uma viagem representativa e que as passagens foram pagas com recursos próprios. Embora no site da Câmara conste 4,5 diárias, a assessoria afirmou inicialmente que foram três. Depois da publicação da matéria, a equipe da deputada reconheceu o erro e admitiu a quantidade de diárias.

Política