Topo

Conteúdo publicado há
9 meses

MP dos Ministérios é aprovada: veja como votaram os senadores

Plenário do Senado durante sessão que apreciou a MP dos Ministérios do governo Lula - Edilson Rodrigues/Agência Senado
Plenário do Senado durante sessão que apreciou a MP dos Ministérios do governo Lula Imagem: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Do UOL, em São Paulo

01/06/2023 13h52Atualizada em 01/06/2023 16h33

O Senado aprovou a MP (medida provisória) de reestruturação da Esplanada dos Ministérios. Foram 51 votos a favor, 19 contrários e 1 abstenção.

Veja como votou cada senador

Votaram sim

  1. Marcio Bittar (União Brasil)
  2. Sergio Petecão (PSD)
  3. Izalci Lucas (PSDB)
  4. Leila Barros (PDT)
  5. Carlos Viana (Podemos)
  6. Alessandro Vieira (PSDB)
  7. Laércio Oliveira (PP)
  8. Rogério Carvalho (PT)
  9. Fernando Farias (MDB)
  10. Renan Calheiros (MDB)
  11. Rodrigo Cunha (União Brasil)
  12. Fabiano Contarato (PT)
  13. Flávio Arns (PSB)
  14. Oriovisto Guimarães (Podemos)
  15. Styvenson Valentim (Podemos)
  16. Zenaide Maia (PSD)
  17. Giordano (MDB)
  18. Mara Gabrilli (PSD)
  19. Davi Alcolumbre (União Brasil)
  20. Lucas Barreto (PSD)
  21. Randolfe Rodrigues (Rede)
  22. Jorge Kajuru (PSB)
  23. Efraim Filho (União Brasil)
  24. Veneziano Vital do Rêgo (MDB)
  25. Paulo Paim (PT)
  26. Irajá (PSD)
  27. Prof. Dorinha Seabra (União Brasil)
  28. Eduardo Braga (MDB)
  29. Omar Aziz (PSD)
  30. Ana Paula Lobato (PSB)
  31. Eliziane Gama (PSD)
  32. Weverton (PDT)
  33. Beto Faro (PT)
  34. Jader Barbalho (MDB)
  35. Zequinha Marinho* (PL)
  36. Confúcio Moura (MDB)
  37. Angelo Coronel (PSD)
  38. Jaques Wagner (PT)
  39. Otto Alencar (PSD)
  40. Jayme Campos (União Brasil)
  41. Margareth Buzetti (PSD)
  42. Fernando Dueire (MDB)
  43. Humberto Costa (PT)
  44. Teresa Leitão (PT)
  45. Chico Rodrigues (PSB)
  46. Augusto Brito (PT)
  47. Cid Gomes (PDT)
  48. Nelsinho Trad (PSD)
  49. Soraya Thronicke (União Brasil)
  50. Jussara Lima (PSD)
  51. Marcelo Castro (MDB)

*O senador Zequinha Marinho anunciou sua filiação ao Podemos. Entretanto, ainda não comunicou ao Senado a mudança de partido, por isso ele aparece como sendo do PL.

Votaram não

  1. Damares Alves (Republicanos)
  2. Cleitinho (Republicanos)
  3. Flávio Bolsonaro (PL)
  4. Romário (PL)
  5. Magno Malta (PL)
  6. Marcos do Val (Podemos)
  7. Sergio Moro (União Brasil)
  8. Rogério Marinho (PL)
  9. Marcos Pontes (PL)
  10. Wilder Morais (PL)
  11. Hamilton Mourão (Republicanos)
  12. Dr. Samuel Araújo (PSD)
  13. Jaime Bagattoli (PL)
  14. Wellington Fagundes (PL)
  15. Mecias de Jesus (Republicanos)
  16. Eduardo Girão (Novo)
  17. Tereza Cristina (PP)
  18. Ciro Nogueira (PP)
  19. Jorge Seif (PL)

Abstenção

  1. Dr. Hiran (PP)

A MP dos ministérios foi o texto editado pelo governo para criar a estrutura atual de 37 pastas. Caso não fosse aprovada no Congresso, a estrutura da Esplanada voltaria a ter a formação do governo Bolsonaro.

A medida foi aprovada na Câmara na noite de ontem (31), com 337 votos a favor e 125 contra, um dia antes do fim do prazo para apreciá-la.

Votação na Casa ocorreu após o governo Lula (PT) negociar com os deputados e ceder. A gestão petista autorizou na terça-feira (30) R$ 1,7 bilhão em emendas parlamentares, em meio ao risco de o presidente sofrer a maior derrota no Congresso neste mandato.

Partidos do centrão ajudaram o governo do PT na Câmara. Veja como foram os votos.