Conteúdo publicado há 2 meses

Madeleine: Bolsonaro nega candidatura de Michelle para avivar militância

O ex-presidente Jair Bolsonaro negou hoje a possibilidade de Michelle Bolsonaro, ex-primeira-dama, se candidatar a um cargo político, em uma tentativa de mobilizar seus apoiadores, afirmou a comentarista Madeleine Lacsko, no UOL News da manhã desta sexta-feira (8). A declaração do ex-presidente ocorreu durante entrevista à rádio argentina.

Ele fala coisa que não tem nada a ver. Ele tá falando isso agora para um monte de gente falar 'não, queremos Michelle. Michelle é ótima'. Ele fala isso para avivar a militância dele, não tem nenhum nexo com a realidade. Madeleine Lacsko, comentarista do UOL News

Esse homem mentiu o tempo todo e nós estamos levando a sério o que ele fala? Ele falou que não ia se reeleger, que era contra reeleição. Que ia acabar com a EBC/TV Brasil, e transformou aquilo em um cabidão de emprego de gente desqualificada.

Madeleine ainda avaliou as chances de Michelle Bolsonaro ou outro nome do bolsonarismo se candidatar ao Senado pelo Paraná, caso o senador Sergio Moro tenha o mandato cassado.

Há uma grande chance de, se ela se candidatar pelo Paraná, ela se eleja. Isso tem uma grande chance. Ou ela ou qualquer outro bolsonarista. E aí a gente começa a ver quais são as prioridades: era derrubar o bolsonarismo ou era derrubar os caras que se meteram na Lava-Jato? Madeleine Lacsko, comentarista do UOL News

No meu entender, era derrubar quem se meteu na Lava-Jato porque sem o bolsonarismo a gente não pode ter esse tipo de lulismo que a gente está tendo hoje em dia: persecutório, de expor jornalista, de fazer uma coisa muito malandra.

Não dá para agir assim sem ter uma artilharia pesada de imprensa e da sociedade contra você se você não tiver o bolsonarismo no outro lado. Está todo mundo aí, para o Lula e Bolsonaro é ótimo se a Michelle se candidatar. [Pena] que o que ele [Bolsonaro] está fazendo é jogo de cena.

O UOL News vai ao ar de segunda a sexta-feira em duas edições: às 10h com apresentação de Fabíola Cidral e às 17h com Diego Sarza. O programa é sempre ao vivo.

Quando: De segunda a sexta, às 10h e 17h.

Continua após a publicidade