PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Conteúdo publicado há
11 meses

Damares: Disk 100 servirá para idosos que 'não têm com quem conversar'

Do UOL, em São Paulo

30/04/2020 17h44Atualizada em 01/05/2020 09h41

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, anunciou nesta tarde que o serviço oferecido pelo Disk 100 não será voltado apenas para coletar denúncias de violência, mas também para auxiliar idosos que estiverem se sentindo sozinhos em meio à pandemia de coronavírus.

"O Disk 100 agora não é só para denunciar a violência contra idosos, queremos oferecer conforto e consolo", declarou ela nesta tarde em meio à coletiva do Gabinete de Crise do governo federal para enfrentar a covid-19.

Damares afirmou que a equipe do Disk 100 foi ampliada para atender os idosos que sentirem necessidade de conversar e que o serviço, assim como o canal de denúncias, funcionará 24 horas por dia.

"Um recado aos idosos do país: está se sentindo sozinho em casa, quer conversar com alguém e não tem com quem conversar? O Disk 100 está à disposição de vocês", disse a ministra. "Temos uma população idosa enorme no Brasil e queremos cuidar de todos eles", acrescentou.

A ministra enfatizou o cuidado com idosos e pediu maior atenção aos casos de violência em meio a medidas de isolamento social. Apelo semelhante já havia sido feito por Damares em relação à violência doméstica em ocasiões anteriores. O governo federal chegou a anunciar, no início do mês, o lançamento de um aplicativo voltado para denúncias de violações de direitos humanos durante a pandemia.

Auxílio financeiro

Damares disse também que R$ 3,96 bilhões serão investidos no apoio aos idosos. Parte do montante será voltado para distribuição de Equipamentos de Proteção Individual (EPI), vacinação em massa para a gripe e prioridade na aplicação de testes rápidos da covid-19.

Além disso, o investimento também é voltado para distribuição de materiais de higiene, cestas básicas e alimentos aos idosos em situação de vulnerabilidade.

Coronavírus