PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Coronavírus está acelerando, diz OMS após recorde de casos em um dia

Diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom                              - AFP
Diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Imagem: AFP

Do UOL, em São Paulo

19/06/2020 13h18

Mais de 150 mil novos casos do novo coronavírus foram reportados ontem à Organização Mundial de Saúde (OMS). Segundo o órgão, foi o maior número de casos em um único dia, o que motivou mais um apelo do diretor-geral Tedros Adhanom.

"A pandemia está acelerando. Mais de 150 mil casos foram reportados ontem à OMS, o número mais alto em um único dia. Quase a metade desses casos foram reportados nas Américas, e outra grande parte no sul da Ásia e no Oriente Médio", disse Tedros durante a coletiva de imprensa da OMS. Segundo ele, "países estão ansiosos para reabrir suas economias, mas o vírus está se espalhando e ainda é mortal".

Na entrevista, os dirigentes também fizeram um alerta para a situação dos refugiados em meio à pandemia, citando um levantamento divulgado pela Cruz Vermelha. Amanhã é celebrado o dia mundial do refugiado.

A pesquisa da Cruz Vermelha se concentrou nos refugiados que vivem na Turquia, o país que abriga a maior população de refugiados do mundo. Cerca de 70% dos entrevistados relataram ter perdido o emprego desde o início da pandemia.

Além disso, quase 80% relataram aumentos significativos em suas despesas diárias. Mais da metade das famílias de refugiados foi forçada a encontrar outros meios de cobrir suas despesas, incluindo o empréstimo de dinheiro.

Tedros ainda falou da expectativa de encontrar uma vacina ainda este ano. Para o diretor-geral, "será uma jornada difícil" e, até lá, autoridades e indivíduos devem "fazer o básico".

"Nosso foco deve ser fazer o básico, como testes, rastreamentos, manter a distância, usar máscaras, lavar as mãos regularmente e tomar todas as precauções. Nós podemos afastar o vírus apenas fazendo o básico".

De acordo com números da universidade Johns Hopkins, que reúne dados de casos e mortes em todo o mundo, já são 8.527.672 casos confirmados do novo coronavírus e 454.625 mortes causadas em decorrência da covid-19.

Coronavírus