PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Conteúdo publicado há
8 meses

Profissionais de saúde fazem ato em SP e CE pelos 50 mil mortos no país

Profissionais da saúde fazem um ato no centro de São Paulo em solidariedade às vítimas da pandemia do novo coronavírus - LINCON ZARBIETTI/AGIF
Profissionais da saúde fazem um ato no centro de São Paulo em solidariedade às vítimas da pandemia do novo coronavírus Imagem: LINCON ZARBIETTI/AGIF

Do UOL, em São Paulo

21/06/2020 13h16

Profissionais de saúde realizam hoje em várias cidades um ato em solidariedade às pessoas que perderam a vida em decorrêndia da covid-19 no Brasil. Ontem, o país superou os 50 mil mortos pela doença.

Em São Paulo, o protesto aconteceu na região central, na Praça Roosevelt. Médicos colocaram cruzes na escadaria do local e ficaram em silêncio. A ação é coordenada pela Associação Brasileira de Médicas e Médicos pela Democracia e pela Rede Nacional de Médicas e Médicos Populares.

O protesto se repetiu em outras cidades. Na capital cearense, médicos, enfermeiros e psicólogos fizeram um ato pela vida e à favor da democracia. Além disto, o grupo protesta contra ações do governo Bolsonaro diante da pandemia.

O grupo fincou cruzes na areia da praia e exibiu cartazes e faixas destacando a importância do Sistema Único de Saúde (SUS) no combate ao coronavírus.

Atos simbólicos em locais públicos também estavam marcados para outras capitais, entre elas Brasília, Recife, Maceió, Aracajú, Belo Horizonte, Florianópolis e Cuiabá.

ceara - DANIEL GALBER/UAI FOTO/ESTADÃO CONTEÚDO - DANIEL GALBER/UAI FOTO/ESTADÃO CONTEÚDO
21.jun.2020 - Profissionais da área de saúde fazem um ato pela vida, pró-democracia e contra o governo Bolsonaro na praia de Iracema, em Fortaleza (CE)
Imagem: DANIEL GALBER/UAI FOTO/ESTADÃO CONTEÚDO

Coronavírus