PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Brasil registra 341 novas mortes por covid em 24 h e soma 154.226 óbitos

Paciente com covid-19 é atendido na UTI do Hospital Tide Setubal, na zona leste de São Paulo - Eduardo Anizelli/Folhapress
Paciente com covid-19 é atendido na UTI do Hospital Tide Setubal, na zona leste de São Paulo Imagem: Eduardo Anizelli/Folhapress

Do UOL, em São Paulo

19/10/2020 18h49Atualizada em 19/10/2020 20h06

O país registrou 341 novas mortes por covid-19 nas últimas 24 horas, totalizando 154.226 óbitos pela doença desde o início da pandemia. As informações são do consórcio de veículos do qual o UOL faz parte.

Desde ontem foram notificados 18.586 novos casos; ao todo, o país conta com 5.251.127 diagnósticos pela doença decorrente do novo coronavírus.

A única secretaria de saúde que não apresentou as novas notificações até o fechamento deste texto foi a de Roraima. O boletim diário do estado normalmente sai após às 20h, depois do fechamento do consórcio, e só consta no balanço feito pela mídia no dia seguinte. No entanto, ontem, de forma excepcional, o estado publicou os dados a tempo do fechamento do consórcio, reunindo notificações de sexta e sábado. Como hoje, a secretaria de Roraima retomou a divulgação após às 20h e, portanto, depois do prazo dado pelo consórcio, os números confirmados desde ontem constarão apenas no relatório de amanhã.

A média móvel de mortes, calculada com base nos números de mortos dos últimos sete dias, é de 502, o que representa queda em relação à variação de 14 dias atrás.

Dados da Saúde

O Ministério da Saúde divulgou hoje 271 novos óbitos pela covid-19 nas últimas 24 horas. Ao todo, o país soma 154.176 mortes pela doença desde o início da pandemia.

Foram notificados 15.383 novos casos confirmados de coronavírus, totalizando 5.250.727 diagnósticos em todo o país.

O governo federal considera 4.681.659 casos recuperados e afirma que há 414.892 pacientes em acompanhamento.

Mais de 40 milhões de casos de covid no mundo

O número de casos confirmados de covid-19 em todo o planeta ultrapassou os 40 milhões, segundo levantamento da Universidade Johns Hopkins. Até o momento, foram contabilizadas mais de 1,1 milhão de mortes em decorrência do novo coronavírus.

Até o início da tarde, o Brasil era o terceiro país com mais casos da doença, atrás dos Estados Unidos, que apresentam o maior número de registro de diagnósticos (8.154.936) e da Índia (7.550.273).

Nos últimos sete dias, 2,5 milhões de casos adicionais foram registrados no mundo, o maior número semanal desde o início da pandemia.

Veículos se unem pela informação

Em resposta à decisão do governo Jair Bolsonaro de restringir o acesso a dados sobre a pandemia de covid-19, os veículos de comunicação UOL, O Estado de S. Paulo, Folha de S.Paulo, O Globo, G1 e Extra formaram um consórcio para trabalhar de forma colaborativa para buscar as informações necessárias diretamente nas secretarias estaduais de Saúde das 27 unidades da Federação.

O governo federal, por meio do Ministério da Saúde, deveria ser a fonte natural desses números, mas atitudes recentes de autoridades e do próprio presidente colocam em dúvida a disponibilidade dos dados e sua precisão.

Coronavírus