PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Conteúdo publicado há
1 mês

Com 89% das UTIs ocupadas, Alagoas libera abertura de bares e restaurantes

Renan Filho (MDB) anuncia abertura dos bares e restaurantes entre 5h às 16h, de segunda a sexta - Márcio Ferreira/Divulgação
Renan Filho (MDB) anuncia abertura dos bares e restaurantes entre 5h às 16h, de segunda a sexta Imagem: Márcio Ferreira/Divulgação

Aliny Gama

Colaboração para o UOL, em Maceió

05/04/2021 23h36

O governador de Alagoas, Renan Filho (MDB), anunciou na noite de hoje a liberação do funcionamento de bares e restaurantes a partir de amanhã, no horário das 5h às 16h, de segunda a sexta-feira.

A flexibilização das restrições impostas no estado ocorre em um momento que Alagoas tem ocupação de 89% dos leitos de UTIs (Unidade de Tratamento Intensiva) na rede pública para pacientes com covid-19, que está em 89%, segundo dados da Sesau (Secretaria de Estado da Saúde de Alagoas). A medida foi publicada na noite de hoje e está em vigor até o próximo dia 16.

Alagoas está com o toque de recolher das 21h às 5h, sendo proibida a circulação de pessoas sem justificativa, e horários distintos para funcionamento do comércio. Além disso, estão proibidas atividades nas praias, rios e lagoas nos fins de semana.

De acordo com o painel Alagoas Contra o Novo Coronavírus, a taxa de ocupação de leitos está em 57% em todo o estado, sendo 89% de ocupação em UTI; 55% em UTI intermediária e 47% em leitos clínicos.

Maceió está com 90% das UTIs para pacientes com covid-19 ocupadas. Já no interior, São Miguel dos Campos, Palmeira dos Índios e Penedo estão com todos os leitos de UTIs ocupados, incluindo os clínicos. Segunda maior cidade de Alagoas, Arapiraca está em situação crítica com 94% de ocupação dos leitos de UTI e 68% dos leitos clínicos. Já Santana do Ipanema e Marechal Deodoro atingiram 100% de ocupação dos leitos para pacientes com covid-19.

Mudanças nas restrições

Na medida divulgada hoje, bares e restaurantes poderão funcionar das 5h às 16h com atendimento presencial do público; das 16h às 21h, eles poderão atender no sistema pague e leve, e das 21h até 00h, somente delivery. A medida inclui os estabelecimentos nas praias e nas praças de alimentação de shoppings centers.

"Vamos fazer um reinício gradual das atividades nesse segmento. Amanhã, faremos uma reunião com todos os prefeitos de Alagoas para tratar da intensificação da vacinação no estado. Além disso, vamos lançar uma campanha e destinar 10 milhões de reais para aquisição de cestas básicas que serão distribuídas às pessoas que mais precisam nesse momento da pandemia da covid-19", explicou Renan Filho.

O governo também liberou o acesso de idosos às academias, mas desde que os usuários comprovem que tenham tomado a segunda dose da vacina contra a covid-19 com pelo menos 15 dias decorridos da segunda aplicação. Pessoas com comorbidades estão proibidas de frequentar academias. As academias estão limitadas a 30% da capacidade.

"Isso vai garantir que as pessoas imunizadas possam voltar à prática desportiva nas academias. Todas as pessoas com mais de 60 anos que não tomaram as duas doses da vacina seguem sem poder praticar atividade como prevenção para que não adoeçam", explicou o governador.

Alagoas voltou à fase vermelha no dia 19 de março após o governo constatar alta taxa de ocupação dos leitos da rede pública de saúde. Na semana passada, o estado prorrogou as regras, mas o setor de bares e restaurantes pressionou, alegando que haveria demissões em massa. O funcionamento de bares e restaurantes estava permitido apenas no sistema de delivery ou pague e leve.

A Abrasel (Associação de Brasileira de Bares e Restaurantes de Alagoas) criticou as medidas e alega que cinco empregos são perdidos por hora, resultando em 3.500 demissões. "Conseguimos segurar por muito tempo, mas agora não dá mais para aguentar", disse a Abrasel.

Dados divulgados hoje pela Sesau mostram que 156.522 pessoas foram infectadas pelo novo coronavírus em Alagoas e 3.665 morreram. Nas últimas 24h, foram registradas 22 mortes em decorrência da covid-19 em Alagoas, sendo 12 vítimas moradoras de Maceió.

Regras

A fase vermelha em Alagoas proíbe circulação de pessoas nas ruas das 21h às 5h. O calçadão da orla marítima poderá ser utilizado individualmente durante a semana, mas está vedado às sextas, sábados e domingos, seja para atividades físicas, sociais ou comerciais. Durante o período, o transporte intermunicipal está funcionando com 30% da frota.

Já os shoppings estão proibidos de abrir aos sábados, domingos e terças-feiras — nos demais dias, eles funcionarão das 11h às 20h. O funcionamento do comércio do centro das cidades continuará das 9h às 17h, de terça a sexta-feira. As lojas de bairros e de galerias funcionarão das 10h às 18h, fechando, obrigatoriamente, aos sábados, domingos e segundas-feiras. Os horários diferenciados ocorrem para que não haja possíveis aglomerações no transporte público.

Coronavírus