PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Conteúdo publicado há
15 dias

Após quatro meses, Bahia volta a permitir eventos com até 50 pessoas

O governador da Bahia, Rui Costa (PT) assinou um decreto autorizando os encontros após quatro meses de restrições - Alberto Coutinho/Governo da Bahia
O governador da Bahia, Rui Costa (PT) assinou um decreto autorizando os encontros após quatro meses de restrições Imagem: Alberto Coutinho/Governo da Bahia

Do UOL, em São Paulo

13/04/2021 15h04Atualizada em 13/04/2021 15h05

O governador da Bahia, Rui Costa (PT) assinou um decreto que volta a permitir eventos com até 50 pessoas no estado. A medida estava suspensa desde o dia 4 de dezembro para evitar aglomerações e conter a disseminação da covid-19.

No decreto que foi publicado hoje no Diário Oficial da Bahia, ficam autorizados eventos desportivos, religiosos, cerimônias de casamento, feiras, circos, eventos científicos, solenidades de formatura, passeatas e aulas em academias de dança e ginástica.

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Sesab (Secretaria Estadual de Saúde) ontem, em 24 horas foram registrados 1.581 novos casos da covid-19, o que representa uma taxa de crescimento de 0,2%.

Dos 840.976 casos confirmados desde o início da pandemia, 16.611 tiveram óbito confirmado, e outros 809.771 já são considerados recuperados, enquanto 14.594 encontram-se ativos.

Secretaria investiga erro em entrega da CoronaVac na Bahia

Mais de 30 cidades da Bahia alertaram a Sesab sobre o recebimento de vacinas da CoronaVac com conteúdo abaixo do padrão. A Prefeitura de Salvador informou que 21,4 mil ampolas do imunizante apresentaram o problema.

O Ministério da Saúde disse mais cedo ao UOL que a orientação para os estados e municípios é que registrem um formulário técnico quando não for possível aspirar o total de doses declaradas nos rótulos das vacinas contra a covid-19.

A pasta acrescentou que as ocorrências serão investigadas.

Coronavírus