PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Brasil doa R$ 8,5 mi para aliança global que financia vacinas contra covid-19 para países pobres

Freepik
Imagem: Freepik

18/11/2020 14h49

BRASÍLIA (Reuters) - O governo brasileiro autorizou hoje a doação de R$ 8,5 milhões (cerca de US$ 1,6 milhão) para a Aliança Global para Vacinas e Imunização (Gavi, na sigla em inglês), mecanismo de financiamento para garantir o acesso a vacinas para covid-19 para 92 países de renda média e baixa.

A doação, aprovada pelo Congresso e sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), foi publicada hoje no Diário Oficial da União.

Os recursos estavam previstos inicialmente como doação para a Unitaid (Agência Internacional de Compra de Medicamentos para Países em Desenvolvimento) e foi remanejado para a Gavi.

Criada em 2000 para melhorar o acesso de crianças a vacinas em geral, a Gavi, que tem financiamento parcial da Fundação Bill & Melinda Gates, associou-se à iniciativa Covax Facilities, da OMS (Organização Mundial de Saúde), que prevê a compra centralizada de vacinas contra a Covid-19 e distribuição para os países que se associaram.

A intenção é garantir que, no momento em que vacinas hoje em teste sejam autorizadas, países mais pobres possam também ter acesso mais rápido aos medicamentos.

De acordo com dados mais recentes divulgados pela Aliança, foram arrecadados até agora US$ 2 bilhões para financiar a iniciativa, sendo necessários ainda outros US$ 5 bilhões.

(Reportagem de Lisandra Paraguassu)

Coronavírus