Rússia critica declarações "inadmissíveis" dos EUA e Grã-Bretanha sobre a Síria na ONU

Moscou, 26 Set 2016 (AFP) - O Kremlin criticou nesta segunda-feira "o tom e a retórica inadmissíveis" dos Estados Unidos e do Reino Unido, que no domingo acusaram na ONU o exército russo de cometer uma "barbárie" e crimes de guerra na Síria.

"Consideramos o tom e a retórica dos representantes do Reino Unido e Estados Unidos inadmissíveis e, inclusive, suscetíveis de prejudicar nossas relações", disse o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos