Parlamentares franceses pedem que Londres receba migrantes menores

Paris, 29 Out 2016 (AFP) - Cerca de cem parlamentares franceses de esquerda enviaram uma carta aberta para a ministra britânica do Interior, Amber Ruud, para lhe pedir que receba "imediatamente" os migrantes menores de idade de Calais, no norte da França.

"Ao final da operação desta semana" para desmantelar o grande acampamento de Calais, a "França dará abrigo a cerca de 11.000 pessoas" em um ano. Nestes últimos dias, "1.500 menores desacompanhados foram colocados em segurança" em um centro de acolhida provisório, escrevem na carta publicada pela vice-presidente socialista da Assembleia Nacional, Sandrine Mazetier.

"Estes menores, cujo interesse é chegar ao Reino Unido, têm em muitos casos familiares no país de vocês. Não estão lhes pedindo nenhum favor. Têm direito, segundo os regulamentos internacionais e a lei britânica, a serem acolhidos no Reino Unido", acrescentam.

Símbolo da dificuldade europeia para manejar a crise migratória, o maior acampamento de migrantes da França, conhecido como a 'Selva' de Calais, abrigava até a semana passada entre 6.400 e 8.100 pessoas, segundo as estimativas, vindas principalmente do Sudão, Eritreia e Afeganistão.

Desde esta segunda-feira, quando as autoridades francesas começaram a evacuar o acampamento, mais de 4.500 migrantes foram levados para centros de diferentes regiões da França, enquanto 1.500 menores foram alojados em centros de acolhida provisórios instalados no local.

Desde meados de outubro, 274 menores foram autorizados a cruzar o Canal da Mancha.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos