Detida mulher saudita por publicar foto sem véu no Twitter

Em Riad

  • Fayez Nureldine/AFP

    Mulheres sauditas passeiam em shopping center em Riad

    Mulheres sauditas passeiam em shopping center em Riad

A polícia da Arábia Saudita prendeu uma mulher por ter tirado seu véu em público e ter divulgado as imagens no Twitter, uma ação temerária em um país ultraconservador onde as mulheres estão submetidas a proibições estritas.

Este reino do Golfo aplica uma versão rigorosa do Islã e impõe às mulheres que se cubram em público com o véu islâmico, entre outras medidas.

O porta-voz da polícia, Fawaz al Maiman, anunciou na segunda-feira (12) a detenção desta mulher, sem revelar seu nome. Várias páginas da internet a identificaram, no entanto, como Malak al Shehri.

Sua imagem, sem véu na rua principal de Riad no mês passado, provocou uma onda de indignação no país.

A polícia agiu por dever ante a "violação dos costumes", detalhou o porta-voz em um comunicado. "A ação desta mulher viola as leis em vigor no país", reiterou, fazendo um chamado a "subscrever aos ensinamentos do islã".

A mulher "publicou um tuíte onde aparece de pé sem véu perto de um conhecido café em Riade", prosseguiu a polícia. Também a acusou de "falar abertamente de relações proibidas com homens" com os que não tem nenhum parentesco.

A acusada, de cerca de 20 anos, foi "trasladada a um presídio para mulheres" e seu caso teria que ser objeto de novas investigações, segundo a polícia.

A Arábia Saudita é o único país no mundo que proíbe as mulheres de dirigir. Elas também devem obter a autorização de um homem - um tutor - para trabalhar, viajar ou se casar, e não podem sequer comer sozinhas em um restaurante.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos