Topo

Putin: Rússia não expulsará ninguém em resposta às sanções dos EUA

2016-12-30T10:54:00

30/12/2016 10h54

Moscou, 30 dez 2016 (AFP) - A Rússia não pretende expulsar ninguém em represália às sanções americanas tomadas contra Moscou, sob acusação de ingerência eleitoral, declarou nesta sexta-feira o presidente russo Vladimir Putin.

"Não vamos expulsar ninguém", assegurou Putin, depois que seu chefe da diplomacia sugeriu expulsar 35 diplomatas americanos.

"A Rússia se reserva, no entanto, o direito de tomar medidas de represália e restaurará as relações bilaterais em vista da política do presidente eleito Donald Trump", acrescentou.