Oito policiais quenianos morrem em duas explosões no Quênia

Nairóbi, 24 Mai 2017 (AFP) - Cinco policiais quenianos morreram nesta quarta-feira quando um artefato explosivo detonou durante a passagem de seu veículo no nordeste do Quênia, anunciou o governador local, algumas horas depois que outros três policiais morreram em um incidente similar.

Os agentes eram encarregados da segurança do governador de Mandera, Ali Roba, que fazia parte do mesmo comboio, e foram atacados às 13H00 (07H00 de Brasília).

"Infelizmente, perdi cinco dos meus oficiais de segurança, incluindo meu guarda-costas pessoal, em um ataque contra o meu comboio entre a Arábia e Fino", indicou o responsável em sua conta no Facebook.

Algumas horas antes, três policiais morreram nas mesmas circunstâncias mais ao sul, próximo ao posto fronteiriço de Liboi, quando se dirigiam para a cidade de Garisa.

"Todos morreram em uma ação depois que seu veículo se deparou com um artefato explosivo improvisado", indicou à AFP um responsável da polícia local, que pediu anonimato.

O porta-voz da polícia, George Kinoti, confirmou o ocorrido. "Houve um ataque esta manhã e perdemos policiais", declarou.

str-cyb/jh/jz-jvb/mb/cb

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos