Ex-chefe de campanha de Trump se entrega ao FBI por investigação sobre a Rússia

Washington, 30 Out 2017 (AFP) - O advogado Paul Manafort, que foi chefe da campanha eleitoral do presidente Donald Trump, compareceu nesta segunda-feira ao FBI depois de receber uma ordem para se entregar, em meio a informações que apontam que pelo menos uma pessoa foi indiciada pela investigação do caso russo.

O processo, conduzido pelo procurador especial Robert Mueller, investiga o suposto conluio e interferência da Rússia nas eleições presidenciais de 2016. A imprensa americana informou que um sócio de Manafort, Rick Gate, também teria sido indiciado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos